25/07/14

Como Fazer imagens para fan page


Olá! No meu último post sobre dicas, eu dei algumas pra fazer sua página bombar, e ainda disponibilizei um link pra download de algumas imagens padrões. Hoje eu vim apresentar pra vocês alguns recursos on line que podem ser utilizados para tal, gratuitos e muito eficientes. Se você ainda não leu o último post sobre isso, clica no link ali em cima e venha saber a importância de se ter um conteúdo personalizado. Vamos lá?

O primeiro deles é o PicMonkey. Muita gente usa ele apenas como editor de fotos, mas dá pra fazer imagens bem legais com ele. Ele possui faixas, corações e outros carimbos gratuitos, além de uma variedade bem legal de fontes. Dependendo da sua criatividade, dá pra alternar fontes, colocar fundos bacanas, e criar muitas imagens personalizadas! Pra fazer isso no picMonkey é necessário criar uma imagem antes em algum editor de imagens no seu computador, e abrí-la no PicMonkey na aba "Edit".

O segundo é um gerador de quotes que eu já conheço a algum tempo. O BeHappy faz a geração automática, basta você digitar a frase. Depois é só escolher a fonte e se quiser, usar um carimbo em cima ou em baixo da frase. O fundo é sempre liso, mas quem não ama fundo batido? haha Eu particularmente ADORO!


O Quozio é mais ou menos o mesmo esquema do BeHappy. A diferença é que nele não dá pra mudar a fonte, mas os layouts são mais variados, e tem de fundo liso até fotos, e fundos texturizados.


E o último e mais legal de todos é o Canva. O próprio slogan do editor já diz: Com o Canva todo mundo pode se tornar um designer. Ele traz várias faixas e figuras geométricas no estilo daquelas páginas que a gente mais gosta, sabe? Aquelas frases bem elaboradas, com fontes diferentes e no capricho. Indico pra todo mundo que tiver um tempinho de sobra e quiser repaginar a página do facebook. Só cuidado pra não sair pegando tudo que vê na frente (que aliás, tudo é lindo) e fazer imagens caregadas. Na página inicial você loga com o facebook mesmo, e seleciona o arquivo que quer gerar. Dá pra fazer desde capa pra facebook até convite, infográfico e tudo mais. Ah, e o background das imagens é totalmente editável, e dá pra colocar qualquer foto que você tenha aí e combinar com os designs do editor. O máximo, né?


Espero que vocês façam bom uso das ferramentas acima, e eu quero já saber: Você conhece mais algum editor on line que ajude a dar um up na página do facebook?  Compartilha com a gente!

Um beijo!

24/07/14

Esmalte da Vez: Maçã do Amor da Risqué



Olá meninas!!! Aqui estou eu de volta, já que faz um tempão que não posto alguma coisa...kkk
Motivos do sumiço: Fui fazer uma viagem em família, uma excursão para Aparecida do Norte – SP. Rezar um pouco, agradecer pela vida, pelos meus amigos, pela minha família, pelo blog que ta crescendo e além de todos os agradecimentos fui fazer umas comprinhas também. Lá é um dos melhores lugares pra comprar bugigangas, tanto que comprei um presentinho pra Mari, onde espero que um dia ela poste aqui pra vocês. haha



Agora vamos falar de coisa boa (esmaltes)... kkk E o esmalte da vez é o maçã do amor da Risqué. Nem preciso falar que ele é antigasso. Tive que resgatá-lo do fundo do baú junto da minha coleção old de esmaltes que tenho aqui em casa... kkkkk
Em cada pessoa esse esmalte fica em um tom diferente, em mim como dá pra ver fica um vinho mais fechado, se fosse em uma pessoa mais clara, tipo a Mari ele ficaria mais aberto mais puxado pro vermelho.
Pra chegar nesse tom passei duas camadas. E o esmalte é ótimo de passar, pois ele não deu nenhuma mancha e nenhuma bolha. 



Espero que tenham gostado! 
E aí, você tem algum esmalte old but gold igual esse aí? Me conta ali nos comentários!

Bjus e até o próximo post.



23/07/14

Ressaca do passado



Tô com ressaca do passado, consequência gerada por alguém que antes de mim, afirmou que o tempo deveria ser dividido em passado, presente e futuro. O passado teve um efeito dominó em mim. A primeira peça foi derrubada e as outras simplesmente caíram juntas, não me dando tempo pra parar algumas peças que hoje, poderiam fazer parte do meu presente. 
Mas eu acredito em uma força maior que tudo tem uma razão para nem sempre ser da forma que desejamos, porém confesso que muitas vezes tive vontade de voltar e mudar, e fico me perguntando e se? 
E se não tivesse dito aquelas palavras? E se não tivesse acreditado no cara errado? E se não tivesse ajudado aquela amiga com aquele menino? E se tivesse feito novas amizades? E se tivesse escolhido melhor em quem confiar e ter próximo de mim? E se tivesse mostrado meus textos e cartas não enviadas, o final da nossa história teria sido diferente? E se... e se? São tantas as perguntas e nenhuma resposta.É frustrante saber que enquanto vivermos continuaremos a dividir os acontecimentos da nossa vida em passado, presente e futuro.  
Quando era criança, minha mãe me ensinou que o passado era aquilo que não era possível voltar atrás, consertar e vivenciar novamente. Agora, com um pouquinho mais de idade e pouco entendimento sobre a vida, vejo que a teoria da minha mãe, não é totalmente verdadeira.
Sim, o passado não se tem como consertar e mudar – nem toda ciência e tecnologia não nos proporciona isso ainda, criando uma máquina do tempo -  mas o passado está  mais presente do que imaginamos. Ele está em quem somos hoje. O que somos é reflexo do que vivemos, aprendemos, e pasmem, até dos nossos arrependimentos. 
Não posso mudar o meu passado, mas posso aprender com ele. É meio clichê eu sei, mas posso mudar o meu futuro, mesmo ele sendo incerto.  Posso não ter visto o sol nascer ontem, nem ter me dado conta de como as estrelas e a lua são lindas, mas eu tenho a chance do poder fazer tudo isso hoje. 


-----------------------------------------------------------------------------------------------

O texto de hoje foi enviado pela leitora Thalia de 16 anos. Ela mora em Mariana-MG e é apaixonada por escrever! Tumblr | Twitter | Facebook

22/07/14

DIY: Short Destroyed por R$6,00


Olá! Tudo bem? Hoje o tutorial é sobre reformas! No ano passado, eu fui num brechó, e trouxe essa calça jeans velhinha por R$3,00. A intenção era transformá-la em alguma coisa depois, mas acabou que com a correria eu acabei esquecendo ela no fundo do armário. Mas nada como uma arrumação pra achar coisas perdidas, né? Foi o que aconteceu esse fim de semana. Aproveitei que achei, e fui logo dar um jeito de botar a mão na massa, antes que eu a esquecesse de novo.


A calça era assim antes. Bem basicona e com a cintura mais alta. Lá no brechó tinha muitas assim. Mas trouxe essa na época pelo tom do jeans e porque ela me serviu certinho, e não iria precisar apertar nas laterais.



O primeiro passo foi marcar a altura do short. Eu particularmente gosto de sempre deixar a lateral menor que a entre pernas, porque acho que dá um acabamento legal, mas se você quiser, pode cortar reto também.


Agora é só pegar uma faca de serrinha bem boa e cortar a barra. Com a faca, o acabamento destruído vem de imediato. Se caso você cortar com a tesoura, à medida que for lavando ele vai desfiando de qualquer maneira, mas fica um pouco diferente no final. Quando você corta com a tesoura fica tudo muito certinho e vai formando uma "franjinha" certinha na barra. Com a faca de serrinha ela fica irregular e é isso que é o legal do short destroyed.


Quando eu cortei tudo, ele ficou assim. Maravilha! Era isso mesmo que eu queria.


Agora, é a hora de fazer os efeitos rasgadinhos no short. Com a mesma faca de serrinha, você corta uma linha na horizontal, e depois "raspa" a faca com bastante força na vertical. Aí vai saindo umas pluminhas, e você vai vendo o efeito destruído começar a se formar. Fiz isso nos bolsos de trás e na perna na parte da frente. Eu não destruí ele demais, porque com as lavações os buracos vão se abrindo, e eu queria um destruído não tão destruído. Mas vai do gosto de quem faz! Dá pra destruir o short todinho se quiser!


A última etapa, foi a colocação dos spikes nos bolsos da frente. Já posso ganhar o troféu paciência eterna porque de cada lado foram cerca de 80 spikes! hahaha


No final, o short ficou assim:


 Os spikes custaram cerca de R$3,00 e o total pra fazer o short, ficou em R$6,00. 

Em breve eu pretendo reformar muitas roupas aqui no blog, só preciso desenrolar algumas pendências por aqui. Mas eu gostaria muito de saber se vocês gostariam de ver mais posts de reformas assim, e se tiver alguma sugestão/dúvida pode deixar nos comentários!

Um beijo!


21/07/14

Look: Pterodactyl


Voltei com mais um look da loja A Colorida! Dessa vez, escolhi duas cores que estou me apaixonando aos poucos: laranja e marrom. Nunca fui muito fã dessas duas cores, mas ultimamente estou in love! Afinal, que mal tem em mudar de ideia, né? 


Achei essa t-shirt de dinossauro uma graça e decidi que montaria um look com ela. A saia é um modelo que eu gosto bastante, e que lembra o caimento da godê. Mas na verdade a modelagem dela é de seis panos, por isso, chama-se saia de seis panos. Na real, são seis pedaços de pano no formato de trapézios, que quando juntos, formam uma saia em A. Tenho dois vestidos com essa modelagem e acho o máximo! ♥ 




Um segredinho: quando eu fazia moda em 2010 lá em BH, eu tinha uma professora de psicologia que me apelidou carinhosamente de dinossaura. Nunca me esqueci disso! Eu conversava muito na aula dela, e ela apelidava todo mundo da sala, e sobrou esse apelido super carinhoso pra mim. hahaha Eu nem sei se ela acessa o blog, mas dedico esse look a ela! hahaha






As fotos de hoje, foram tiradas pelo meu amigo @maurvaz. Variei de fotógrafo porque a Lara tava viajando (geralmente é ela quem me fotografa). No final, eu amei essa sessão! Um salve pro vento que colaborou com o "movimento" do meu cabelo em algumas fotos.

Os links da saia e da T-shirt estão (aqui) e (aqui) respectivamente.

O que vocês acharam do look de hoje?
Um beijo!



20/07/14

10 filmes pra você curtir o Dia do Amigo



Ei, meninas.

Hoje tô postando em dia diferente, mas é porque ontem a minha internet vacilou feio comigo. Mas não importa, hoje o post é especial. 

Ele foi feito pra você curtir com aquele amigo e/ou amiga do peito. Afinal, hoje é DIA DO AMIGO!

"O Dia do Amigo é comemorado em várias datas no Brasil, mas o 20 de julho é a data oficial do Dia do Amigo, que é ao mesmo tempo o Dia Internacional da Amizade.

O Dia do Amigo é oficialmente comemorado em 20 de julho, e é uma data para celebrar a amizade, e é quando as pessoas trocam presentes, se abraçam e declaram sua amizade umas as outras.

A data foi criada pelo argentino Enrique Ernesto Febbraro, que com a chegada do homem à lua,  enviou cerca de quatro mil cartas para diversos países e idiomas, pois ele considerava a chegada do homem a lua significava que se os homens se unissem, não haveria objetivos impossíveis." (via: Calendarr)

E pensando no dia de hoje e neste domingo preguiçoso, fiz uma seleção de filmes pra você assistir com seu bff.

Vamos conferir?

1. Aos Treze
Aos Treze Filme

2. Quatro Amigas e um Jeans Viajante
Quatro Amigas e um Jeans Viajante  Filme

3. Intocáveis
Intocáveis Filmes

4. Conta Comigo
Conta Comigo Filme

5. Starsky e Hutch
Starsky e Hutch Filme

6. Amigas Para Sempre 
Amigas Para Sempre Filme

7. Agora e Sempre
Agora e Sempre Filme

8. Superbad - É Hoje
Superbad - É Hoje Filme

9. Free Willy
Free Willy Filme

10. Thelma e Louise 


É isso meninas, é uma seleção de filmes lindos e engraçados. Eu espero que tenham gostado e que aproveitem o dia de hoje com aquele amigo e/ou amiga do peito.
Até uma próxima, xX.

17/07/14

Resenha: Não se Apega Não - Isabela Freitas


Já faz umas semanas que eu terminei de ler esse livro, mas quis postar sobre só hoje pelo meu ~costume~ de resenhar livros aqui mais ou menos na metade do mês.  O Não se Apega Não, foi um livro que eu confesso ter comprado pela capa e pelo título. Quem nunca né? Eu conhecia a Isabela e os textos dela, mas não acompanhava assim de tão perto. Um belo dia tava zarpando pelo submarino na seção de lançamentos, e o livro me chamou atenção.


O livro conta a história da personagem Isabela, e seus momentos da vida. Em relação a amigos, namorado, família e relacionamentos em geral. Durante a história, a personagem luta pra viver na prática aquilo que o desapego diz na teoria: "Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado."


Eu me identifiquei com TODAS as passagens do livro, e queria muito que todas as minhas amigas e leitoras que tem "medo" de ~deixar ir~ pra que venham coisas melhores (ou não) lessem. Uma passagem super importante do livro é a que fala que desapego não é desamor. Geralmente quando tratamos de desapego no quesito relacionamentos as pessoas já pensam que temos um coração de pedra e que não temos sentimento algum. Mas não é bem assim. Desapegar é justamente se livrar daqueles sentimentos que te fazem mal, e não ser uma pessoa fria e calculista. Sacou? E isso também vale pra coisas materiais. Desapegar daquilo que entulha o guarda-roupa e os armários fazem bem pra alma.



"A vida é uma eterna roda gigante. Ora estamos em cima, ora estamos embaixo.Tudo na vida é mutável, tudo mesmo, inclusive nós. Por isso precisamos aprender a "deixar ir". Nada é para sempre, por mais que queiramos que seja."

Bom, não vou falar muito sobre o livro e nem dar spoilers, porque quero muito que vocês fiquem com vontadezinha de ler. Mas digo com toda certeza que vale super a leitura, tá?

Alguém aí já leu esse livro? O que vocês acharam?

Um beijo!