Quem é melhor que quem?


Hoje é quinta, e essa semana não tiramos foto de Look, por motivos de: estamos em semana de provas e choveu MUITO no fim de semana, que é quando tiramos as fotos. Hoje eu vou fazer diferente. Eu trouxe uma reflexão muito importante pra quem tem blog e pra quem não tem também: 

Somos pessoas, de carne, osso e sentimentos. E a gente cresce aprendendo a comparar coisas, a julgar coisas como melhor/pior, concordam? "sorvete de napolitano é mil vezes melhor que sorvete de flocos porque vem três sabores num só", "a Barbie é mil vezes mais bonita que a Suzi porque ela é mais delicada", "O carro A é mil vezes melhor que o carro B porque tem o mesmo motor e é mais econômico" ~e vice-versa~ Comparar coisas materias, é normal, e acredite, não existe um só dia na sua vida em que você não faça uma comparaçãozinha, mesmo que seja de coisinha boba, viu? Só que eu não vou entrar no mérito de comparar carro, nem boneca, e muito menos sorvete.

Eu quero falar sobre pessoas. Aqui, atrás dessa telinha que cê tá vendo e lendo nesse momento, existem pessoas. Pra ser mais específica, oito pessoas que se doam aqui, de corpo, alma e coração. Pessoas que querem compartilhar o lado bom da vida, compartilhar coisas legais, fazer a diferença, crescer, conhecer pessoas diferentes, gostos diferentes, atitudes diferentes. E eu não tô falando só daqui, do MTC. Existem vários outros blogs de pessoas que se jogam de cabeça mesmo, fazem tudo por amor, sem querer nada em troca, além de amigos e experiências.

 Os "brindes" são consequência do seu trabalho, do seu sacrifício. Não é fácil manter um blog atualizado, com conteúdo legal, e ainda ter uma "vida" fora dele. Quem tem blog me entende, quem não tem, talvez não. Mas eu digo e repito que, ter um espaço na internet onde você pode falar o que quiser, quando quiser e como quiser é uma responsabilidade sem tamanho. São horas, dias e porque não, semanas dedicadas à um espaço em que o intuito é gerar discussões inteligentes sobre assuntos variados. São noites sem dormir pensando em coisas novas, em como aplicá-las, em como abordá-las, e até em como inovar o que já existe por aí. Criar um blog é muito fácil, o difícil é você conseguir com que as pessoas reconheçam seu trabalho. E isso envolve tanta coisa, que também não vou entrar no mérito agora, ok?

Voltando ao ponto principal da discussão, quando você começa a comparar pessoas, você automaticamente, entra na linha do julgamento. "Fulana é mil vezes melhor que Ciclana" questão de opinião? Claro! Cada pessoa tem o direito de achar o que quiser da outra, mas pera aí... Quando você acha alguém MIL vezes melhor que o outro, às vezes, chegar e falar isso na cara de quem é o MIL vezes pior, pode machucar. Porque na verdade, a sua concepção é só sua, e da mesma forma que você acha alguém MIL vezes melhor que outro alguém, tem gente que vai achar o contrário. Eu não tô abordando isso aqui agora, porque eu especificamente fui o alvo atingido. Eu tô falando porque já tem um tempo que começamos a crescer, ganhar amigos, ganhar parceiros e porque não "brindes". Aí começa a chover de ~anônimos~ do nada pra criticar, julgar, e apontar o dedo.

Críticas são importantes pro nosso crescimento, e quando são construtivas, ajudam a evoluir, a tentar não cometer o mesmo erro ou quem sabe, até enxergar um outro ponto de vista diferente do que a gente tá acostumado. Mas quando a crítica é destrutiva, a gente se põe a pensar, onde é que tá a louça da filha ou do filho que se prestou a fazer um comentário infeliz, criticando e apontando o dedo, dizendo quem é melhor ou pior aqui. (PS: eu não sei quem foi, mas se a pessoa tiver a cara de voltar e tiver a oportunidade de ler eu tenho apenas três coisas pra dizer: 1) Parabéns, você ganhou seus 15 minutos de fama. 2) É uma pena você ter comentado como anônimo, porque seus 15 minutos não valem de nada colega! 3) Antes de apontar o dedo e julgar quem é melhor que quem, dá uma conferida na pia, só por via das dúvidas, tá?). 

Eu não queria chegar nesse ponto. Eu tô em semana de provas, e esse tal anônimo me despertou tanta inspiração, que eu parei uns minutinhos de estudar pra escrever essa ~bíblia~ e trazer essa reflexão pras pessoas que também tem blog, site ou até mesmo um perfil no facebook. Ninguém gosta de ser comparado, mas todo mundo gosta de comparar. O ideal, é guardar pra você. Não precisa expor ao mundo que a Blogueira Mariazinha é MIL vezes melhor que a Blogueira Jujuzinha ainda mais nos comentários do blog de alguma delas. Porque as duas estão ali se doando e se doendo pra manter seus espaços do jeito delas e compartilhar coisas da maneira com que elas acham legal, e se você não curte uma ou outra, porque vai lá e digita www.mariazinha...? Vamos combinar que você tá aqui agora, ou porque clicou no link, ou porque digitou o link, certo? Ninguém foi lá e te obrigou, e muito menos um vírus abriu o site sozinho aí.. 

Eu tinha uma professora que dizia que o seu direito termina onde o do outro começa. Isso vale pra essa discussão também. Você tem TODO direito de achar o que quiser da fulana e da ciclana, mas a Fulana e a Ciclana não merecem ouvir críticas que destruam, que magoem. Se a sua especialidade é comentar em blogs alheios fazendo críticas e tentando encontrar quem é melhor que quem, me desculpa, mas isso tá errado. Ninguém é melhor ou pior, perfeito, tem o português impecável e nunca erra, e é o senhor da razão. Gosto é lamentavelmente indiscutível, e você não tem como mudar isso. Respeite, pra ser respeitado. Abra sua mente, superioridade só te prejudica. Porque quando alguém vem tentar destruir, é porque tá se achando superior. Mas se você é superior, porque não se mostra? Porque não coloca seu nome, seu link no comentário? Tem coisa errada aí, hein?

Eu acho que falta respeito das pessoas, e se você não souber a diferença entre crítica construtiva e destrutiva, dá uma pesquisada, existe uma grande diferença entre elas, e antes de tentar destruir uma pessoa, sempre se lembre de checar a pia, ok?

E demais leitores que sempre fazem críticas construtivas, dando seu parecer sobre algo, falando que não usaria isso ou aquilo ou que não concorda com isso ou aquilo, obrigada! Vocês são a prova, de que nem tudo está perdido, e de que ainda existem pessoas que sabem criticar sem ofender, que sabem levar um assunto adiante com maturidade, expondo pontos de vista diferentes, sem precisar apontar o dedo e julgar!

Beijos, e até o próximo ~desabafo~ (ou não).. uahuaha




16 comentários:

  1. Realmente.. Falta as pessoas se respeitarem e perceberem que o mundo seria chato demais se todo mundo fosse igual.
    Blog | Facebook

    ResponderExcluir
  2. Mari esses comentários anônimos são sinônimo de que você é diva e ta ficando famosa, não se abale com eles, as pessoas que não conseguem alcançar buscam atacar. Essa é minha filosofia de vida você fica revoltado com um trabalho porcaria é diferente de tentar atingir e magoar alguém, ignore-os pois o primeiro ponto não é o seu caso. E acho que todas as pessoas devem pensar assim.

    http://lehdadicas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diva, eu? hauhuaha ai Leh, só vc mesmo! ♥ Mas são sinal de que a pessoa tá querendo fazer melhor e não conseguem mesmo.. mas não vamos julgar, vamos ser o contrário do que elas foram e deixar elas falarem à vontade, sem mais 15 minutos de fama.. uhauahaa bjoss ♥

      Excluir
  3. Com certeza... no mundo, tem mais pessoas para criticar do que para ver o lado bom. Eu acho isso um pouco triste, até por quê somos humanos, erramos e há pessoas, na qual nos criticam por nossos erros. Infelizmente, é a vida!

    http://arimaciel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não só pelos erros, mas por características da nossa essência mesmo.. isso envolve estilo, criatividade, comunicatividade e vários outros viu? É triste, mas nem tudo está perdido! ♥

      Excluir
  4. Aii Mari esse mundo de blog é meio difícil,mas temos que saber lidar com as pessoas que não querem o nosso desenvolvimento.Amei sua postagem !

    Beiijos

    www.thayseallves.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Mari, tudo bem? Primeira vez que conheço seu blog, vi agorinha a sua publicação em grupo do facebook e vim correndo aqui ler seu desabafo. Concordo plenamente contigo, tenho um blog também e sei o quanto é "difícil", já sou "antiga" nesse mundo de blogs, e um dos motivos pelo qual abandonei meu antigo blog foi exatamente o fato das críticas severamente destrutivas em anonimato, mas parei e pensei: "O que leva um ser a fazer isso? Falta do que fazer? Autoestima baixíssima? Não se ama ou quer ser notado (a) a todo custo, mas com o anonimato é meio difícil ser notado né?! Desculpa o texto enorme, mas me identifiquei muito com o seu desabafo!

    Beijos Mari e uma ótima sexta feira para você!

    Blog Dani Medeiros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani! ♥ Seja bem-vinda!! é verdade, definitivamente não dá pra entender.. mas como na vida real, temos que passar por cima e não deixar que isso nos afete, né? Porque de um modo ou de outro, tem gosto pra tudo, e quem faz por amor consegue chegar lá um dia.. foi assim com as grandes, porque não será com a gente? Um beijo, e um ótimo fim de semana! Ah, e boa sorte com o novo blog!

      Excluir
  6. é bom ver que não sou a unica que desabafo
    umas vez tentei ajudar uma menina e minuros após recebi alguns comentários maldosos no meu blog (meu blog antigo)
    fiz uma pesquisa uma vez e recebo algumas pessoas que deram somente respostas ignorantes e negativas a respeito do blog e fiquei triste demais
    sem contar que virou moda agora em tudo quanto ki é lugar esse negocio de segue me segue
    a pessoa vem com isso pro meu aldo e eu fico neutra se insistir eu mando ela me disseguir
    enfim
    a blogsfera ja foi um lugar legal e hoje em dia ta cheio de blogueirinhas de meia tigela
    que só sabem ligar para o seu proprio trabalho e nao dao valor no trabalho de ninguem
    por isso que eu comento se a pessoa voltar tudo bem se nao que fique pra lá
    e se vier com essa de segue me segue eu nem dou atenção

    paraomaridinho.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você disse tudo Marcelle! Eu já tive um blog pequenininho antigamente, e a gente nem recebia tantos comentários porque não tinha essa de troca de likes.. depois que as empresas começaram a perceber que blogs poderiam sim ser um meio de divulgação pra eles, tudo mudou.. as menininhas viam as outras bloggers ganharem "brindes" e enlouqueciam, e assim foram criados blogs em massa sem conteúdo, com pessoas só querendo ganhar coisas e dinheiros sem nem ligar pros leitores.. eu conheço vários assim, e é triste ver como as pessoas só olham por si.. tentar ajudar com críticas construtivas é legal, mas nem todo mundo sabe reconhecer uma e já pensa que você tá com invejinha.. já aconteceu comigo e eu te entendo.. toca aí o/

      Excluir
  7. Oi flor, eu já passei por isso várias vezes, cheguei até a tirar a opção de comentários anônimos do meu blog, e sei que perdi bons comentários, porque existem anônimos legais, rsrsrs.
    É uma pena pq as pessoas acham que pq estão atrás de um computador, são donas do mundo.

    Estou seguindo aqui, se puder e quiser me segue também?

    ansiedadefeminina.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! é verdade, mas no momento eu também retirei essa opção.. eu sei que se a pessoa tiver mal intencionada ela vai fazer um fake pra isso, mas a solução que eu encontrei por enquanto é essa.. se a coisa piorar, comentários moderados seria uma boa também, mas eu fico com medo de não ter tempo de liberar e me enrolar com eles.. mas vai ser o jeito se as coisas piorarem.. haha beijoss

      Excluir
  8. Olá , bom dia!

    Tudo bem?

    Achei seu blog e gostei muito. Já estou lhe seguindo e curtir sua fan page.

    Espero que goste:

    Meu Blog: http://leide-lira.blogspot.com.br/


    Fan Page (Me curti lá!!): http://www.facebook.com/pages/Bolsinhas-de-uma-Leide/254377631336807

    Desde já agradeço por me aceitar.

    Fique com Deus.

    Abraço.

    Leide


    ResponderExcluir
  9. Olá Mari,concordo com você em quase tudo,eu acho que se a pessoa se dá o trabalho de entrar num blog e ainda comentar algo de muito ruim é porque ela se sente incomodada com aquilo,algumas pessoas se sentem incomodada quando encontram algo que está acima delas,não é superioridade não,é inferioridade,ela quer destruir algo que você tem(e ta dando certo) e ela não.É um sinal de que você é muito importante pra ela,se não fosse,ela não se daria o trabalho nem de olhar o blog.Bem,eu só olho,só comento,só curto algo em um blog quando realmente é importante e eu gosto,quando eu não gosto de um blog,eu simplesmente saio.

    ResponderExcluir

O Blog Menina, te contei? é um blog de Moda, DIY e Lifestyle